Qualquer coisa minha…

Da vez primeira que me assassinaram perdi um jeito de sorrir que eu tinha… Depois, de cada vez que me mataram, foram levando qualquer coisa minha…”

. Mario Quintana .


6 comentários sobre “Qualquer coisa minha…

  1. Mário Quintana escreveu coisas ótimas e coisas estranhas. Essa é uma das muitos boas que só ele era capaz de colocar em palavras. A mim nunca me assassinaram e sigo tentanto evitar que isso aconteça.

  2. A mim também mataram o sorriso e levaram tantas coisas minhas…
    Acho que também não ando numa fase boa, mas eu justifico pela tpm… Ainda tenho essa ilusão que seja apenas um problema hormonal…

    Bjs!

  3. Pois é Hélen, é que esse livro não tá me chamando tanta atenção, ou não estou numa fase boa…

    Sabe quando agente não sai do lugar??? Pois é ^^

    Bjão
    Saudades também

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.