Ilha

Deixei-me cair numa pequena amurada de pedra na beira do rio e chorei. Eu era uma ilha abondonada no meio do oceano, sem passado e sem futuro. Logo senti que chegava a um ponto que nenhuma voz humana poderia me alcançar”

. Arthur Golden in Memórias de uma Gueixa .

Atos e Consequências

Se antes de cada acto nosso nos puséssemos a prever todas as consequências dele, a pensar nelas a sério, primeiro as imediatas, depois as prováveis, depois as possíveis, depois as imagináveis, não chegaríamos sequer a mover-nos de onde o primeiro pensamento nos tivesse feito parar”

. José Saramago in Ensaio sobre a Cegueira .