As coisas não ditas

09b397f47fd5487c7ea89ea0037c7ce8

“Sem que eu soubesse,
as coisas não ditas haviam crescido como
cogumelos venenosos
nas paredes do silêncio”

. Lya Luft in O Silêncio dos Amantes .

3 comentários sobre “As coisas não ditas

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s