Estradas

 

As estradas são tão longas
É longe esperar acontecer
O velho brilho no olhar

{ Lyani } 13/04/2001

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.

8 comentários sobre “Estradas

  1. O Trovador disse:

    Muto bonito ma cheri!
    Vejo que incentivou uma multidão a tirar os Haikais dos cadernos…

    ^^

    Nem preciso dizer que adorei o poema, ne?

    Beijoos
    Au revoir =*

  2. Robson Ribeiro disse:

    Ly, estou adorando os haicais.

    Deixo aqui alguns de Matsuô Bashô:

    Agora é inverno
    e no mundo uma só cor;
    o som do vento.

    //

    vento de outono
    a silenciosa colina
    muda me responde

    //

    Já é primavera:
    Uma colina sem nome
    Sob a névoa da manhã.

    //

    Num atalho da montanha
    Sorrindo
    uma violeta

    Beijos!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s