Abismo

Sou o vago, o presságio
O abismo
Entre o que fui e o que me tornei

Lyani } 17/11/2004

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.

9 comentários sobre “Abismo

  1. O Trovador disse:

    Isso me lembra MUITO Fernando Pessoa.

    Muito MESMO. O.O

    Será você a reencarnação dele? Que sei qeu não copiou, é óbvio.

    Me acontece a mesma coisa com Drummond, as vezes escreve um poema ou texto qualquer e leio a coisa nele. ME Leio nele.

    Praticamente texto psicografado…

    UAhUHaUHA

    Beijos. o/

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s