Sentimento urgente

Eu quebrei aquele vaso de vidro jateado que eu adorava. Joguei-o no chão com toda força no meio de uma tarde ensolarada sem nenhum motivo aparente. Aparente. Porque mentiram pra mim quando me disseram que o tempo cura tudo. Que a merda do tempo age milagrosamente fazendo você esquecer. É mentira, é uma mentira idiota. É uma historinha pra criança dormir. Sim, eu passei dias, meses, talvez anos seguidos de vida normal. Sem a dor, a angústia, sem esse sentimento urgente que é a saudade. E de repente, nesta tarde comum, com esse céu azul e esse sol brilhante, você entra aqui de novo. Aqui, aqui dentro de mim e retorce tudo, bagunça tudo, mexe em tudo. E tudo volta: dor, saudade, tristeza. Eu acho que eu não mereço, de verdade. Eu merecia não lembrar mais de você. Ou lembrar de você e não sofrer mais com isso. Eu merecia que fosse verdade que o tempo apaga tudo, cura tudo. Eu merecia que isso fosse real.

{ Lyani } 05/11/2008

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.

15 comentários sobre “Sentimento urgente

  1. Mauro Gonçalves disse:

    Olá, Ly

    Fui pesquisar a autoria da expressão “o tempo apaga tudo”, não achei o autor, mas algo melhor, o seu blog.
    Também tenho passado por uma dor semelhante a sua, mas, ao contrário de você, acho que a referida expressão está correta. O tempo realmente apaga tudo… já aconteceu antes.
    Lembro de uma reportagem que dava conta desse aspecto da evolução humana, dizia que o esquecer está na nossa gênese, pois se isso naõ ocorrece (esquecer) o organismo humano estava fadado a extinção.
    Ao que me parece, o problema é o tempo que cada um leva para esquecer… pelo jeito sofrerei mais alguns meses.

    Ainda, se esta expressão não for verdadeira, existe uma que com certeza o é: “Mors omnia solvit”.

    Me responda se quiser: como está o seu coração depois do tempo que já passou? Estou escrevendo em 24/04/2009.

    Até,
    Mauro

  2. Sweet T disse:

    Ai Ly…
    Sabe o que eu acho?
    Que não vai passar…
    Por mais que eu ocupe meus dias e seja feliz de verdade… lá está ele, seu cheiro, as lembranças, e a saudade que rasga o peito
    Tem sido mais difícil do que eu imaginava
    Sera que é porque foi amor verdadeiro?
    Doi
    Doi
    Doi
    Uma goteira sem fim…
    Não… não passa

    Sei que estou meio (totalmente) ausente.
    Bloquearam o wordpress lá no trabalho, então tem me restado pouquissimo tempo…

    Bjs

  3. Talita disse:

    Eu vivo com uma constante saudade dentro de mim, nos meus dias… o tempo me torna refém da saudade que vai e vem, uns dias mais calma, outros dias silenciosa, outros vem pra detonar a bomba que me transporta ao ser mais triste e vazio da face da terra…ESSA SAUDADE JÁ FAZ PARTE DE MIM, NEM TEMPO, NEM ESPAÇO PODEM ACALMA OU APAGAR ESSA COMPANHEIRA DE DIAS E NOITES.

    Bjs lyani, bom final de semana….ADOROO

  4. ariadne rocha disse:

    ‘ o tempo não cura nada, o tempo apenas desloca o incurável do centro das atenções ‘

    é como algo que parece que morreu: que existiu, que teve seu fim
    mas que no fundo, apenas adormeceu
    e quando menos se espera, acorda ou dá uma mexida
    como quem diz: estou aqui… com você

    obrigada pela visita
    grande beijo

  5. Eldinha disse:

    Ly, preciso repetir a frase do Rafael: que profundo! Emoção viva, suas palavras gritaram.

    (In)felizmente sem consolos qnt ao conteúdo… Há de existir um propósito nisso tudo…

    Abraço

  6. lu olhosdemar disse:

    eu tb acho q o tempo nao cura, só ajuda a organizar o que passou (ou o q a gente quer que passe) numa gavetinha no coração. o problema é que qualquer contato com o que deveria ter passado, remexe as gavetas todas…dá um trabalhao arrumar tudo de novo….rssss

  7. Jacinta Dantas disse:

    Menina de Deus,
    você vai falando de um jeito tão claro, tão sentido, tão bonito, tão…verdadeiro. E o tempo, esse em que depositam as esperanças para a cura de sentimentos. Ah! o tempo. De tanto tempo que tenho já não o sinto como meu aliado, há tempo.
    Beijos moça.

    Tem um selinho prá você no meu florescer. Olhe bem à direita que ele te enxerga de longe.

  8. Lunna disse:

    Estou tão ausente de tempo e espaço ultimamente que seu texto me fez fazer uma pausa e pensar nessa questão. Acho que desliguei. Acho que o tempo é uma ilusão, dessas que desaparecem no meio do caminho e a gente nem sabe ao certo para onde isso tudo vai. Se é que vai.
    Mas acho que quem nos cura mesmo somos nós e aquele instante que chega de repente e nos obriga a dizer. Chega…
    Abraços meus

  9. Robson Ribeiro disse:

    Acredito que o tempo ajuda a apagar, sim!
    Mas temos que fazer a nossa parte. Tudo depende de nós. Não adianta jogar toda a responsabilidade para outras pessoas ou coisas…

    Bem, é como eu sinto, e cada um sente de uma forma.

    Beijos!

  10. Poetic Girl disse:

    Muitas vezes remetemos nossos sentimentos para o nosso sub-consciente. Julgamos nós que desta forma esquecidos eles não nos magoam mais, mas estamos mesmo errados. ás vezes basta mesmo uma pequena coisa para abrir novamente a ferida e esta sangra como se nunca tivesse sido curada…. acho que acaba por fazer parte da vida, da nossa natureza. Temos é que encontrar a melhor forma de lidar com isso… beijocas

  11. Henry of Charlotte disse:

    Cara,

    Palavras com carne e verdades essas suas.
    O tempo não cura. Tempo não apaga. O tempo só faz com que o que passou conviva com outros inquilinos.
    Não se esquece. Vira história. Sua história. Encarna. Indeléveis digitais dos nossos encontros e desencontros. Inútil tentar esquecer, voltar. Só se pode ir em frente. Seguir, Perseguir. Povoar o passado de futuros para que o passado tenha companhia.
    “Só não aprendi a esquecer”, disse o poeta. Difícil entender o esquecimento. Há cursos de memorização. Técnicas para lembrar. Não há tecnologia para o esquecimento. Ninguém ensina mnemônicas ao avesso.
    Talvez esquecer é mais anistia do que amnésia.
    Fiquei com pena do vaso :->

    1ab

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s