Sorriso

O caminho se apagou
Já foi o tempo dos abraços
Só restou a vontade não proclamada de um sorriso

{ Lyani } 17/01/2002

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License.

10 comentários em “Sorriso

  1. Oi, Luani.
    Parece aquele hiato do algo não vivido.
    Sabor amargo.
    Tom amarelo desbotado.
    Felizmente, Lyani experimentamos tantos outros sentires.
    Lindo teu verso.
    Porque tua poesia é de sabor doce.

    Abraços

  2. Então aquele meu poema… realmente muito triste, foram tempos de grande desesperança, que não quero viver mais! rs, e por isso desencontros amorosos me dão pânico!
    E aquela minha fala tinha tudo a ver com esse sentimento expressado nestes versos seus… lindos versos Lyani, triste mas delicado e muito verdadeiro!!

  3. Pelo menos fica esse sorriso que fica guardado na nossa memória e faz a gente viver mais.
    Estou indo de encontro as minhas vontades e acreditações, com um sorriso de felicidade em casa bolso.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.