O Sono Compartilhado

Com as outras mulheres ele nunca dormia. {…} Portanto, qual não foi sua surpresa quando acordou com Tereza segurando firmemente sua mão! Olhou-a e custou a compreender o que estava acontecendo. Evocou as horas que tinham se passado e acreditou respirar o perfume de uma felicidade desconhecida. {…} Tomas pensava: deitar-se com uma mulher e dormir com ela, eis duas paixões não somente diferentes, mas quase contraditórias. O amor não se manifesta pelo desejo de fazer amor (esse desejo se aplica a uma série inumerável de mulheres), mas pelo desejo do sono compartilhado (este desejo diz respeito a uma só mulher)”.

. Milan Kundera in A Insustentável Leveza do Ser .

9 comentários sobre “O Sono Compartilhado

  1. Maria disse:

    Nossa, nossa, nossa, nossa, nossa!

    Susto enorme de ler por outro alguém o que eu sempre pensei. Costumo dizer que procuro que me faça dormir em seus braços, e não quem me inquiete e tire o sono!!!!

    Ly, perfeito! Compartilha mais que eu gostei! rsrs

    Beijo meu =*

  2. Ruberto Palazo disse:

    Hummm… tenho que concordar que deitar-se e dormir são coisas muito diferentes, porém para dormir com alguem é preciso mesmo gostar da pessoa… tudo por um simples fato, a hora de acordar….. Ou vai me dizer que vc acorda arrumadinha? rsss

    Lindo o texto, o sono compartilhado é uma daquelas declarações de amor que nao precisa mesmo de palavras, apenas suspiros….

    Beijos

  3. Vida disse:

    Que lindo!!!
    Sempre tive vontade de ler esse livro.
    Sempre passei por ele, mas acabava levando outro…
    Uma hora u compro..rs

    KISSUUUUS Ly!
    ^^

    🙂

  4. Sandra disse:

    Ly,

    Socorro! Esse é um dos livros que deve ficar ao lado da cama – ele e o “Retrato de Dorian Gray”, do Oscar Wilde. Não há uma só passagem nesses livros que seja dispensável. É de uma beleza, uma densidade, uma….%¨#@… 
    Depois de Insustentável li “Risíveis Amores”. Kundera mudou minha lógica, mudou o desejo.
    Foi um amigo meu, o Rafael, quem insistiu na leitura do “Risíveis”. Hoje, agradeço ajoelhada 🙂

    beijos

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s