Nuvens

─ A quem você ama mais, homem enigmático, me diga: seu pai, sua mãe, sua irmã ou seu irmão?
─ Não tenho pai, nem mãe, nem irmã, nem irmão.
─ Seus amigos?
─ O senhor está utilizando uma palavra cujo sentido até hoje é desconhecido para mim.
─ Sua pátria?
─ Ignoro sob qual latitude está situada.
─ A beleza?
─ Eu a amaria com prazer, deusa e imortal.
─ O ouro?
─ Eu o odeio como o senhor odeia a Deus.
─ Ei! O que é então que você ama, extraordinário estrangeiro?
─ Amo as núvens… as núvens que passam… lá, lá, adiante… as maravilhosas núvens!

Charles Baudelaire in Pequenos Poemas em Prosa

7 comentários sobre “Nuvens

  1. Alec disse:

    Eu gosto da lua. Toda magnífica, em seus vestidos brancos.

    Ah! Ainda não morri. O blog talvez sim. Mas ainda estou aqui. Aliás, tem post novo no blog!

    Bj

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s