Teus olhos, meu sonhos…

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde
te amo diretamente sem problemas nem orgulho
assim te amo porque não sei amar de outra maneira

senão assim deste modo em que não sou nem és
tão perto que tua mão sobre meu peito é minha
tão perto que se fecham teus olhos com meus sonhos”.

. Pablo Neruda in Cem Sonetos de Amor .

4 comentários sobre “Teus olhos, meu sonhos…

  1. Bárbara disse:

    Cada trecho mais lindo do que o outro *-*
    Ah, então nem sei se vou lê-lo. Normalmente, esses livros que fazem sucesso não me agradam muito mesmo, rs.
    Obrigada pela resposta (:

  2. Edu disse:

    Cara Lyani,

    Como quem visita uma biblioteca, em silêncio, tenho passado sempre por aqui. Bebo dos trechos garimpados. Testemunho aslguns textos auto-retratos em 3a. pessoa.
    Como convém a um visitante, na ponta dos pés, sem as pontas dos dedos.
    um ab

    Edu

    PS- Embora as quase 5 pessoas que passam por lá, já são seguidores fiés das aspas :-), adicionei seu link.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s