Cidade Louca

…e não foi assim o amor, senão uma cidade louca
onde as pessoas empalidecem nas sacadas”.

. Pablo Neruda in Cem Sonetos de Amor .