DL 2011: As vidas de Chico Xavier

TEMA: Biografia e/ou Memórias
MÊS: Fevereiro


Livro:
As vidas de Chico Xavier
Autor(a): Marcel Souto Maior
Editora: Planeta
Páginas: 271

Nota: 5
(sendo: 1- Não gostei 2- Gostei pouco; 3- Gostei; 4- Gostei bastante; 5Adorei)

 

“Cisco Xavier” como se auto denominava, não gostava de honrarias e elogios. Se sentia constrangido e sua imensa humildade não lhe permitia a vaidade e o orgulho de sentir prazer ao ouvi-los. Mas ele entendia que era impossível para nós, encantados com sua bondade e iluminação de espírito, não lhe dirigir tais adjetivos. Chico Xavier, um espírito de luz.

Sou talvez uma pessoa suspeita para falar desta biografia, pois sou espírita há muitos anos. Nem acho correto me designar espírita ao escrever sobre Chico e não só isso, pois ser espírita é colocar em prática as maravilhosas palavras de Allan Kardec nosso codificador. Chico fez isso excepcionalmente bem. Eu ainda engatinho nessa longa jornada. Chico é um exemplo de vida, uma inspiração, um espírito iluminado e bondoso capaz de sacrifícios pela fé e mediunidade que estou muito longe de conseguir conceber o pensamento.

Sua vida, desde a infância, é muito sofrida e me trouxe lágrimas aos olhos em muitos trechos. A perda da mãe, a criação com a madrinha nada sensível, e as visões e vozes que o faziam confessar ao padre e fazer penitências cada vez mais terríveis para se curar do pecado. A vida de Chico nunca foi fácil. Não lhe aprouveu nenhum previlégio e Emmanuel, seu guia, o levava a rédeas curtas mantendo-o no caminho da verdade e do espiritismo puro.

Ainda assim, sofrendo com críticas e até agressões, Chico fazia somente o bem. De sua boca só saíam palavras construtivas, pedidos de desculpas, agradecimentos e slogans autodepreciativos: “Não passo de um cabide onde dependuram as homenagens ao espiritismo”. Quando alguns anunciavam sua queda, ele sempre tinha o argumento: “Não vou cair, porque nunca me levantei”.

Chico viveu até seus 92 anos de vida dedicadas ao povo, a sua fé e à mediunidade. Psicografou mais de 400 livros e milhões de cartas para famílias em dor. Um ser humano excepcional, maravilhoso e cuja trajetória nos serve de inspiração para a vida. Marcel Souto Maior, o autor desta biografia, merece também meus elogios: a narrativa é bastante envolvente, simples e objetiva e tem um ótimo desenvolvimento.

Bem, o próprio Chico ainda em vida terrena aprovou, então a leitura é super recomendada!

Leia também no Skoob

6 comentários sobre “DL 2011: As vidas de Chico Xavier

  1. Mi Müller disse:

    Para além de um representate religioso, Chico Xavier é um exemplo de ser humano, deve ser emocionante ler a sua história de vida. Tu imprimistes em tua fala toda admiração que sentes por ele, isso torna tua resenha especial.
    estrelinhas coloridas…

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s