Resenha: O Lado Bom da Vida


Livro:
O Lado Bom da Vida
Autor(a): Matthew Quick
Editora: Íntrinseca
Páginas: 256

Nota: 4
(sendo: 1- Não gostei 2- Gostei pouco; 3- Gostei; 4- Gostei bastante; 5Adorei)

 

 

Pra falar a bem da verdade, a princípio fiquei receosa de começar a ler esse livro. Um dos motivos é que romance meloso não é o que posso chamar de meu estilo de leitura favorito, essa coisa do “happy ending” não cola comigo a menos que a história tenha sido muito bem trabalhada pra chegar à tal. Mas, o que realmente me fez repensar na idéia de ler esse livro, foi que descobri que o protagonista Pat lia livros e soltava os maiores spoilers durante a história. Achei inusitado e a partir do momento que envolve livros, eu me interesso imediatamente.

Pois bem, devidamente interessada, mergulhei na história de Pat, um professor de história que acaba de sair de um hospital psiquiátrico. Tudo que ele sabe, e o que você também vai ficar sabendo por um bom tempo já que o livro é contado em primeira pessoa, é que ele tem um temperamento explosivo e que um “acidente” o levou para o “lugar ruim”, como ele mesmo costuma rotular. Ele se lembra de ter estado lá por apenas alguns meses, tempo este que intitula de “tempo separados”, pois ele tem uma esposa, a Nicki, pela qual sente um amor tão profundo que beira a obsessão e tudo que se lembra é que ela pediu que ficassem um “tempo separados”.

Continuar lendo “Resenha: O Lado Bom da Vida”