Matemática

Eu me tornei – e sei que isso é estranho – meio fã de matemática. Infelizmente, ainda sou uma negação na matéria. Sou fã de matemática da mesma forma que o meu “eu” de 9 anos era fã de skate. Falo muito disso, penso muito nisso, mas não consigo colocar isso em prática“.

. John Green in O Teorema Katherine .

25.05 [13] – Dia da Toalha/Orgulho Nerd

De início, Ford elaborou uma teoria para explicar esse estranho comportamento. Se os seres humanos não ficarem constantemente utilizando seus lábios ― pensou ele ― , eles grudam e não abrem mais. Após pensar e observar por alguns meses, abandonou essa teoria em favor de outra: se eles não ficarem constantemente exercitando seus lábios ― pensou ele ― , seus cérebros começam a funcionar”.

. Douglas Adams in O Guia do Mochileiro das Galáxias .

“Plante uma Árvore”

FLORICULTURA LANÇA ATITUDE SUSTENTÁVEL

IMG_240

A Serra do Gandarela está posicionada em Minas Gerais, há cerca de 40 km de Belo Horizonte, entre a Serra do Curral e a Serra do Caraça, envolvendo os municípios de Caeté, Barão de Cocais, Santa Bárbara, João Monlevade e Ipatinga, dependentes do fornecimento de água dos mananciais (Bacia do Rio das Velhas e São Francisco, e do Rio Piracicaba e Doce) dessa região. Com uma reserva de Quadrilátero Ferrífero e uma variedade de nascentes e cachoeiras, biomas de Mata Atlântica, vegetação rupestre e cangas, danificados pela mineração local e ações de desmatamentos constantes.

No dia 22 de novembro 2012 a flores para comprar Ikebana BH deu inicio a campanha Plante uma Árvore no Gandarela, por meio de divulgações em redes sociais e plantio de mudas características nas áreas mais devastadas da região. Por causa da campanha, a Floricultura Ikebana Flores também está contribuindo com a conscientização da população sobre as agressões ambientais sobrevindas no Gandarela e instigando novas ações de plantio através das redes sociais.

Até agora, quase 100 mudas foram plantadas com a ajuda de blogueiros e sIMG_248ites que estão apoiando à campanha, em decorrência disso, as ações de plantio permanecerão por tempo indefinido. O plantio começou em janeiro de 2013 e terá continuidade em outubro, satisfazendo a um cronograma de plantio que ocorre em meses nublados, pois são adequados a essas ações.

Desde o princípio da campanha a Ikebana Flores está oferecendo mudas de ipê amarelo, ipê branco, sucupira, pata de vaca, tamarino, peroba, entre outras, típicas do cerrado. Basta comparecer na Av. Getúlio Vargas, 1697, Savassi; de 2ª feira a 6ª feira, no horário de 10h00 as 19h00.

Participe! Gandarela precisa de você.

Texto: *
Por Thais Alessandra,
do
Coletivo Cirandar.

Resenha: É Agora… ou Nunca


Livro:
É Agora… ou Nunca
Autor(a): Marian Keyes
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 397

Nota: 4
(sendo: 1- Não gostei 2- Gostei pouco; 3- Gostei; 4- Gostei bastante; 5Adorei)

 

Eu realmente não sabia o que encontrar nos livros da Marian Keys. Já tinha lido opiniões boas e ruins sobre ela. Sabia, desde o início, que não era um tipo de livro fácil de encaixar em gêneros. A princípio, pelas capas e acho até que é realmente o que mais se aproxima, ele se encaixa no chick-lit.  A despeito do que muitos dizem desse gênero, que é coisa de “mulherzinha”, “lixo literário”, “sem cérebro”, todos os que já li foram livros muito bem escritos, com tom de humor e leveza sim, mas nem de longe sem conteúdo. E foi o que senti lendo Marian Keyes. Sim, é uma literatura voltada para o feminino, divertido e charmoso, mas é impossível não se encontrar em nenhuma das inúmeras situações pelas quais as personagens desse livro passam e que foram descritas por Keyes com bastante profundidade.

Gostei da narrativa, gostei do tom “a vida como ela é” e da abordagem feita pela autora. Claro que em alguns momentos a leitura fica um pouco cansativa devido aos muitos detalhes que incorpora em sua narrativa, mas nada que desabone a leitura. Gostei muito de ter lido e conhecido o trabalho de Keyes. E devo acrescentar que achei que a autora abordou temas bastante densos para um chick-lit comum e trabalhou-os muito bem. Todos esses temas  nos são passados através dos olhos de Katherine, Tara e Fintan, três amigos nas faixas dos 30 que moram em Londres e são bem sucedidos profissionalmente O fato é que nada novo e significante acontece em suas vidas e o único a estar vivendo um relacionamento estável e sério, Fintan, descobre que a vida pode ser bastante curta e acabar muito rápido. Por isso convence suas amigas a viverem intensamente e da melhor maneira possível.

Para Katherine, isso significa aceitar as investidas do publicitário Joe Roth, indo contra todo seu passado de desilusões e tendo que desfazer a imagem que criou de si mesma de mulher forte e reservada. Para Tara, seria o abandono de um relacionamento que só a está afundando em baixa-estima e sentimentos de culpa. Ambas passam por situações complicadas e engraçadas durante o processo de mudança, e confesso que apesar de ficar mais encantada pelo romance de Katherine e Joe, foram as cenas de Tara que realmente me chamaram atenção. Acredito que toda mulher já tenha passado pelo menos uma vez pelas mesmas situações e ler-se num livro é o que há de mágico na leitura e que poucos autores conseguem de fato fazer acontecer.

Sim, continua sendo leitura de entretenimento, mas com certeza com conteúdo e que faz refletir. Realmente gostei do estilo de Marian Keyes e recomendo a leitura.

Leia também no Skoob