Qualidade Redentora

– A Erna não consegue esquecer a sua tristeza – falou mamãe. – Ela só conhece isso. – Ela acrescentou que não deve, nunca, odiar alguém, nem mesmo os teus piores inimigos. – Todo mundo tem algo de bom em si. Você tem que descobrir a qualidade redentora e amar a pessoa por isso.

– Ah, é? E o Hitler? Qual a qualidade redentora de Hitler? – perguntei.

– O Hitler adorava cachorros – disse mamãe, sem a menor hesitação”.

. Jeannet Walls in O Castelo de Vidro .

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s