Resenha: 80 anos de poesia – Mario Quitana


Livro:
 80 anos de poesia
Autor(a): Mario Quintana
Editora:
 Editora Globo
Páginas: 206

Nota: 5
(sendo: 1- Não gostei 2- Gostei pouco; 3- Gostei; 4- Gostei bastante; 5Adorei)

~

Poesia em tudo!
Mario Quintana é de uma doçura infinita. Só de olhar a foto dele atrás do livro me veio um sorriso ao rosto. Tenho para mim (e sei que não posso dizer pois não o conheço intimamente) que Mário era um ser especial. Alguém que vê poesia em tudo, desde as menores coisas até as mais improváveis, só pode ter um coração magnífico e uma alma iluminada!

Neste livro que abrange os 80 anos de poesia do autor, incluindo seus principais livros como “A rua dos Cataventos”, “Sapato Florido” e “Baú de Espantos”, pude notar o quanto quintana tinha a poesia no sangue, conseguia enxergá-la em qualquer objeto e qualquer cenário e foi isso o que mais me chamou atenção nesse livro.

Principalmente quando li “Parada km77”:

…até onde irá a procissão dos postes, unidos, pelos fios, à mesma solidão?

Dentre inúmeras outras tão belas quanto esta. Como é o caso de “A carta”, “O poema”, “Epílogo” e “Crônica”. Mario emociona, cativa com sua escrita simples e tão poética. É impossível não sorrir ou se identificar pelo menos com algo que ele tenha escrito. E para finalizar, uma das coisas mais lindas que já li de Quitana:

“Da vez primeira em que me assassinaram perdi um jeito de sorrir que eu tinha… Depois, de cada vez que me mataram, foram levando qualquer coisa minha…”

Leitura recomendada!

2 comentários sobre “Resenha: 80 anos de poesia – Mario Quitana

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s