Resenha: Senhor dos anéis – A Sociedade do Anel

Livro: O Senhor dos Anéis – A Sociedade do Anel
Autor(a): J. R. R. Tolkien 
Editora:
Martins Fontes
Páginas: 632

Nota: 5
(1.Não gostei 2.Gostei pouco; 3.Gostei; 4.Gostei bastante; 5.Adorei)

Realmente maravilhoso!
Eu tentei ler Senhor dos Anéis não uma, mas quatro vezes desde os meus 19 anos e a indicação de um amigo querido. Assisti os filmes, amei a história, amo tudo que envolve o autor e como ele criou esse mundo simplesmente fantástico, mas a leitura não ia de jeito nenhum. Confesso minha extrema dificuldade em ler autores muito descritivos, mas acho que também não era a época certa. Consegui ler O Hobbit e impressionantemente rápido, mas quando iniciava A Sociedade do Anel, travava nas primeiras 30 páginas e não ia mais. Não vou dizer que dessa vez, que prometi, seria minha última tentativa, eu não tive algumas dificuldades. Não é o tipo de livro que eu não consigo largar e que vou pegar pra ler em qualquer oportunidade. Tive nas primeiras 300 páginas que me forçar a pegar ele pra ler e não desistir. Mas quando começava, a leitura deslanchava fácil e interessante, diferente do que imaginei e fui ficando empolgada. E a partir daí, fiquei apaixonada pelos personagens e história e não consegui largar mais.

Sim, Tolkien é extremamente descritivo, porém é uma descrição necessária e que vai ser usada ao longo da história. Não é simplesmente uma encheção de linguiça, são detalhes que vão te ajudar a entender muitas coisas ao longo da jornada. O que me cansou realmente e que fiquei um pouquinho entediada foram as músicas. Muita música, Sr. Tolkien. Mas até elas tem um propósito e isso amenizou um pouco meu tédio kkk

Sobre a história: é encantadora, impressionante, cheia de tantos detalhes que se torna quase real. É belamente contada e extremamente bem amarrada. Não há uma ponta solta e o que fica de dúvidas neste primeiro livro é somente porque a história ainda não terminou e tenho a certeza de que serão sanadas nos próximos livros. Sobre as personagens: são reais, bem delineadas, apaixonantes. Tolkien consegue fazer você sentir o que sentem, ter medo, angústia, amor por eles e sei que é o tipo de personagem que vou sentir muitas saudades depois.

Sobre a Terra Média: acho, sinceramente que apesar de ser uma linda história com belos personagens, tudo, absolutamente tudo gira em torno da Terra Média. A história é sobre a Terra Média e ela é a personagem principal dessa história. E por isso tantos detalhes, tantas descrições de cada pedacinho desse lugar fantástico e por isso a impressão de que existe, é real, e quem dera pudéssemos visitá-la e passar uns bons tempos por lá, pelo menso em algumas partes, como o Condado, Valfenda, Lothlórien.

Enfim, estou encantada, fascinada e já querendo iniciar As Duas Torres. Sinto que dessa vez, Tolkien me conquistou de vez e fico muito feliz por isso. Não podia ser uma bibliotecária completa, sem ter lido uma das maiores obras literárias de todos os tempos!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.