Resenha: Enquanto as Luzes não se Apagam

Livro: Enquanto as Luzes não se Apagam
Organizador: Felipe Saraiça
Editora:
Pendragon
Páginas: 128
Nota: 3
(1.Não gostei 2.Gostei pouco; 3.Gostei;
 4.Gostei bastante; 5.Adorei)

Uma coletânea de contos de jovens autores, alguns se aventurando pela primeira vez no mundo das palavras e que trazem assuntos muito pertinentes e necessários como compulsão, anorexia, síndrome do pânico, depressão, ansiedade entre outros transtornos psicológicos. Os contos são de literatura fantástica e abordam esses assuntos pesados de forma muito delicada, mesclando o real com o imaginário e mostrando que até mesmo os seres mágicos e mais fortes passam por dificuldades que se equiparam às de nossas vidas e portanto trazem certo alento.

Os contos são curtos, alguns conseguem te levar muito fundo nas emoções explanadas, outros nem tanto, mas acredito que todos eles tenham encontrado o seu leitor certo, a pessoa que precisava ler aquilo e não se sentir sozinha no mundo, ou compreender melhor um amigo ou familiar. No início de cada conto você tem uma minibiografia de cada autor, o que achei bem bacana, pois diminui o distanciamento autor-leitor e facilita a compreensão da narrativa. A editoração gráfica do livro também é muito bonita.

Recomendo a leitura e recomendo também para bibliotecas escolares onde jovens possam ter acesso a essa leitura, refletir sobre ela e manter suas luzes acesas.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.