Era ela!

“Liévin não podia enganar-se. Não havia no mundo olhos iguais àqueles. Só havia no mundo uma criatura cqapaz de concentrar, para ele, toda a luz e todo o sentido da vida. Era ela”.

#LievTolstoi in Anna Kariênina