Momentos

De velhos momentos
faço a vida brotar
Brilhantes, solenes momentos
Sobrevivo de vitórias passadas
Do calor já escasso
Da luz já opaca

Vago entre sombras de histórias
Que morreram comigo
As vezes me visto num sorriso
Entre destroços de sentimentos
Tento rebuscar o ideal
E o sonho que um dia me criaram

Durmo em terreno seco
de memórias ardidas
Tiro força de retratos

Cristal quebrado
Ouço gritos, sussurros
Sinto braços, abraços
Mas são vultos, fantasmas
Que me assombram

Sinto escorrer por meu antigo rosto
Lágrimas sem cor e sem propósito
Deito lembranças num tapete empoeirado
Oco e sem vida
E me refaço
Força oculta que me faz seguir
Velho trapo de existência

Lyani{ 23 de Maio de 2004 }


Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma
Licença Creative Commons.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s