Resenha: Battle Royale

Livro: Battle Royale (Mangá em 15 exemplares)
Autor(a): Sophie Kinsela
Editora:
 Conrad
Páginas: 3093

Nota: 5
(sendo: 1- Não gostei 2- Gostei pouco; 3- Gostei; 4- Gostei bastante; 5Adorei)

Sou suspeita, pois adoro mangá e anime. Acho os desenhos lindos e as histórias fascinantes. Esse não poderia ser diferente. Fascinante, excelente, criativo, chocante e excepcionalmente viciante. É engraçado, porque não é que é maravilhoso, afinal é triste e doloroso, mas é simplesmente impossível de parar de ler. Você se vê a todo momento torcendo, querendo ter esperanças mesmo sabendo do inevitável. Fiquei impressionada com a maneira crua como os autores conseguiram demonstrar tantas facetas do carácter humano nessa história. Eu ainda me choco ao constatar até onde certas pessoas são capazes de chegar em momentos de crise. E ainda assim, no meio de tanto horror, foi possível manter em algumas personagens, os valores importantes e a esperança inabalável naquilo que é certo. Recomendo a leitura!

Rangiku ♥ Gin

Eu acho que nunca contei minha paixão por Mangá aqui. Mas, deve ter ficado explícito em alguns posts, músicas, trechos, ou pra quem já visitou o meu outro blog. Isso vem de tempos, lá de quando eu tinha meus 10 ou 11 anos e corria da escola pra casa pra não perder Cavaleiros do Zodíaco. E depois vieram outros, alguns que marcaram, outros não. Angel Sanctuary foi um dos que marcaram. Sara e Setsuna, anjos condenados ao inferno pelo pecado mortal de amarem-se sendo irmãos de sangue. Chorei muito lendo, assistindo aos OVAs e ouvindo suas melodias maravilhosas. Chobits também marcou, com a Chii e sua fofura, ri demais com este. E então a Fla me apresentou Bleach. E com ele a Matsumoto Rangiku e o Ichimaru Gin. E esse marcou mesmo.  Não é novidade (eu acho)  pra ninguém que eu adoro as personagens más e os chamados anti-heróis que não são de todo maus, mas não são sonsos como os mocinhos. Sim, e não é só de Mangá, é de novela, seriado, quadrinhos… Alguns exemplos: Sephiroth do Final Fantasy, Wolverine do X-men, House do House M.D., Aizen do Bleach, Rosiel e Kira do Angel Sanctuary. Enfim, acho que é bem por isso que amo de paixão esse casal que citei acima. Gin é muito do mau. Ainda não se sabe ao certo se é realmente e completamente mau, ou se é um anti-herói. O fato é que ele é todo misterioso e sombrio. E muito sarcástico e eu sou completamente apaixonada por ele. E a Rangiku é uma personagem do bem. Mas não é certinha, santinha e enjoadinha como toda mocinha geralmente é. Ela é desajeitada, esquecida, vive enchendo a cara com sakê, extrovertida, engraçada e tem o “q” que me fez adorá-la: é apaixonada pelo Gin. Eu, que nem sou viciada em dramas e romances impossíveis, não preciso dizer que pra mim é o casal mais perfeito de todos né? Ele, mau, administrador do Hueco Mundo (inferno). Ela, doidinha mas do bem, vice-capitã da Sereitei (céu). E ambos se gostam, mas não dizem. E fica aquele amor subtendido nas falas, nas entrelinhas, nos suspiros, nos olhares. É simplesmente lindo.

E aí que eu contei tudo isso só porquê estava lendo uma citação de Clarice que se encaixou tanto na história desse casal, que decidi vir aqui publicar e achei que deveria dar essa introdução:

Olharam-se sem palavras, desalento contra desalento. Que foi que se disseram? Não se sabe. Sabe-se apenas que se comunicaram rapidamente, pois não havia tempo. Sabe-se também que sem falar eles se pediam. Pediam-se, com urgência, com encabulamento, surpreendidos. Mas ambos eram comprometidos. Ela com sua infância impossível. {…} Ele, com sua natureza aprisionada. Ela ficou espantada, com o acontecimento nas mãos. Acompanhou-o com olhos pretos que mal acreditavam, até vê-lo dobrar a outra esquina. Mas ele foi mais forte que ela. Nem uma só vez olhou para trás.

. Clarice Lispector in Tentação .

Citação esta que conheci também com a Fla  🙂

Who Knew?

O clipe abaixo é sobre dois personagens (Matsumoto Rangiku e  Ichimaru Gin) de Bleach, uma série de mangá e anime criada por Tite Kubo. O Clipe é muito fofo e a música diz tudo sobre os dois!

♪  If someone said: “Three years from now
You’d be long gone.”
I’d stand up and punch them up
‘Cause they’re all wrong
I know better
‘Cause you said “forever and ever”
Who knew?
{…}I wish I could still call you friend
I’ll keep you locked in my head
Until we meet again
And I won’t forget you, my friend
What happened?  ♪

Mais informações: Bleach Project , Bleach.com.br , Bleach Portal

Angel Sanctuary: Forbidden love

Angel Sanctuary (天使禁猟区) é um mangá de Kaori Yuki, do gênero shojo, lançado pela revista Hana to Yume (Flores e Sonhos), no Japão, entre 1995 e 2001 em um total de 20 volumes. O sucesso do mangá deu origem a um anime em 3 episódios (parte dos quais estão nesse vídeo) e um jogo. No Brasil, Angel Sanctuary foi lançado em 2006 (demorou muito para vir ao Brasil, devido ao tema muito polêmico) pela editora Panini em formato de leitura japonesa em edições mensais de 112 páginas, porém suas encadernações foram modificadas. Foram divididas e sendo assim duplicadas, resultando em um total de 40 volumes na versão brasileira.

Angel Sanctuary é uma história de um amor proibido que acontece em meio a uma batalha entre anjos e demônios. No decorrer dessa batalha, Alexiel é condenada (pelo irmão gêmeo, apaixonado por ela e que não suporta sua rejeição) a reencarnar eternamente em corpos humanos, sofrendo com mortes horríveis. Uma dessas reencarnações é o personagem principal, Setsuna Mudô, um adolescente de temperamento agressivo e poucos amigos. Uma das únicas pessoas que o entende e sempre o apóia é a sua irmã, Sara Mudô (que é na verdade a reencarnação do anjo Jibrile por quem Alexiel é apaixonada). Setsuna nutre por sua irmã um sentimento que está além de seu controle, confusão criada pois o personagem tem que lidar com as vontades de Alexiel e as suas próprias. Setsuna Mudô está destinado a ser um Messias e salvar a humanidade, porém foge desse caminho para proteger sua irmã que é enviada ao inferno por nutrir um amor proibido por seu irmão de sangue.

A história em si é extremamente complexa, repleta de revelações, suspense, aventura, drama e romance com um incontável número de personagens cada um com sua história e seu núcleo dentro dela.

Site oficial: http://www.centralparkmedia.com/angel/