Bebê feio

“quando fiquei mais velha, cheguei à conclusão de que receber uma carta de rejeição era como ouvir que seu bebê era feio. Você fica com raiva e não acredita em nenhuma palavra daquilo. Além disso, vejam todos os bebês literários realmente feios que estão pelo mundo sendo publicados e passando bem!”

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Livre

“Você está livre de verdade pela primeira vez. O que poderia ser mais difícil que isso?

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Inteligentes?

“Vocês se lembram de uma experiência antiga em que ratos demais eram enjaulados juntos e começavam a matar uns aos outros? — Mas vocês não eram ratos — disse Thera — Vocês eram inteligentes”

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Leia

“Leia o tipo de obra que você gostaria de escrever. Leia boa e má literatura, ficção e realidade. Leia todos os dias e aprenda com o que leu. Se você desloca para o trabalho ou se passa parte do dia fazendo uma atividade relativamente mecânica, escute audiolivros”

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Livros e educação

“Acreditava apaixonadamente nos livros e na educação. Queria que eu tivesse o que lhe foi negado”.

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

25.07 [21] – Dia Nacional do Escritor

“— Quero ser escritora quando eu crescer — falei.
— Quer? — perguntou minha tia. — Ah, que legal, mas você também vai precisar arrumar um emprego.
— Escrever vai ser meu emprego — respondi.
— Você pode escrever quando quiser. É um passatempo ótimo. Mas vai ter que ganhar a vida.
— Como escritora.
— Não seja boba.
— Estou falando sério.
— Querida… Pessoas negras não podem ser escritoras.
— Por que não?
— Apenas não podem.
— Elas também podem, sim! Eu tinha mais convicção quando não sabia do que estava falando”.

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Podia ou não

“Ela não era ‘todo mundo’. Era ela mesma. Sabia o que podia suportar e o que não podia”.

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Impulsos impensados

” – A maldita doença pode ser eliminada em uma geração – disse ele -, mas as pessoas ainda são animais quando se trata de procriação. Ainda seguem com seus impulsos impensados, como cães e gatos”.

. Octavia E. Butler in Filhos de Sangue e Outras Histórias .

Pouco a pouco

“A escravidão era um processo que matava pouco a pouco”.

. Octavia E. Butler in Kindred – Laços de Sangue .

Piores

“Há coisas piores do que morrer”.

. Octavia E. Butler in Kindred – Laços de Sangue .