09.04 [18] – Dia da Biblioteca

“Os livros não matam a fome, não suprimem a miséria, não acabam com as desigualdades e com as injustiças do mundo, mas consolam as almas, e fazem-nos sonhar”.

. Olavo Bilac .

09.04 [16] – Dia da Biblioteca

A ideia de colecionar livros é muito antiga. Portanto, não aconteceu com os livros o que aconteceu com os filmes. O culto da página escrita, e mais tarde do livro, é tão antigo quanto a escrita. Os romanos já queriam possuir rolos e colecioná-los. Se perdemos livros, foi por outras razões”.

. Umberto Eco in Não Contem com o Fim do Livro .

“Nem todas as verdades são para todos os ouvidos”

Que triste perda para a literatura tivemos ontem, 19 de fevereiro de 2016. Descanse em paz, Eco. Obrigada por tudo ❤

O riso é a fraqueza, a corrupção, a insipidez da nossa carne”.

. Umberto Eco in O Nome da Rosa .

Leia Mais: Estadão / CulturaLiteratura

Ser Humano

O ser humano é uma criatura literalmente extraordinária. Descobriu o fogo, construiu cidades, escreveu magníficos poemas, deu interpretações do mundo, inventou imagens mitológicas etc. Porém, ao mesmo tempo, não cessou de guerrear seus semelhantes, de se enganar, de destruir seu meio ambiente etc. O equilíbrio entre a alta virtude intelectual e abaixa idiotice dá um resultado mais ou menos neutro. Logo, decidindo falar da burrice, de certa forma prestamos uma homenagem a essa criatura que é um tanto genial e outro tanto imbecil”.

. Umberto Eco in Não Contem com o Fim do Livro .

Suporte da Leitura

Das duas, uma: ou o livro permanecerá o suporte da leitura, ou existirá alguma coisa similar ao que o livro nunca deixou de ser, mesmo antes da invenção da tipografia. As variações em torno do objeto livro não modificaram sua função, nem sua sintaxe, em mais de quinhentos anos. O livro é como a colher, o martelo, a roda ou a tesoura. Uma vez inventados, não podem ser aprimorados. Você não pode fazer uma colher melhor que uma colher… O livro venceu seus desafios e não vemos como, para o mesmo uso, poderíamos fazer algo melhor que o próprio livro. Talvez ele evolua em seus componentes, talvez as páginas não sejam mais de papel. Mas ele permanecerá o que é”.

. Umberto Eco in Não Contem com o Fim do Livro .